ENTREVISTA COM OLEKSIY TOROKHTIY

ENTREVISTA COM OLEKSIY TOROKHTIY

Language / Язык: ENG PT

    O objetivo da série de entrevistas de Guardian Athlete é providenciar as informações exclusivas de especialistas dentro e fora da comunidade tática. Nossa esperança é estabelecer um corpo de conhecimento que possa ser usado por atletas e entusiastas em todos os lugares. Aproveite!

    Para a nossa entrevista inaugural, tenho o prazer de lhe apresentar o Oleksiy Torokhtiy. Nascido na Ucrânia em 1986, Aleksey alcançou proeminência na comunidade olímpica internacional de halterofilismo antes de ganhar o ouro para a Ucrânia. Outras conquistas incluem uma bronze na mesma categoria de peso no Campeonato Mundial de 2011 em Paris e inúmeras outras vitórias. Aleksey agora dirige um serviço de treinamento bem-sucedido, fornecendo dicas e técnicas para atletas do mundo inteiro.

    Quem é bom no halterofilismo, apesar de ser não ser bem construído para isso?

    Com relação à minha experiência, posso dizer que um corpo bem construído não é garantia de sucesso, porque tudo depende de sua própria cabeça, persistência e do estímulo criado dentro de sua cabeça. Portanto, coloco a cabeça em primeiro lugar, o que pode fazer um corpo "mal" fazer milagres.

    Quem são os atletas e / ou treinadores menos tradicionais no halterofilismo olímpico?

    Recentemente li uma história sobre um halterofilista afro-australiano que passou por uma jornada heróica aos Jogos Olímpicos do Rio (Simplice Ribouem). Como ele mudou sua cidadania, vagou pelas ruas em busca de comida, pegou ficou com a febre, sobreviveu e veio aos Jogos Olímpicos. Acredito que cada atleta que atinge a classe mundial é único e extraordinário, porque tem sua própria história de sucesso.

    Quem foi seu treinador mais impressionante? E por quê?

    Ao longo da minha carreira esportiva, tive muita sorte de trabalhar com quatro treinadores. Eu trabalhei com cada um deles em diferentes fases do meu crescimento como atleta. Cada um deles era importante para mim à sua maneira, porque eles trouxeram novos conhecimentos e respostas para as questões da minha vida. Mas meu primeiro treinador foi um enigma para mim já que ele foi o único que encontrou as palavras certas para me fazer ficar no levantamento de peso olímpico. Antes disso, nenhum treinador de qualquer outro esporte conseguiu fazer nada parecido.

    O que te faz diferente? Quem te influencia?

    Eu acho que a única coisa que pode me influenciar é a minha família. Para mim, é importante ouvir seus pensamentos e suas ideias.

    Que métodos você usa ao treinar outras pessoas para duplicar seu sucesso?

    Antes de qualquer coisa, eu uso minhas próprias experiências, que incluem perdas e vitórias, alegrias e tristezas. Analisamos os erros mais comuns que fazem com que muitos atletas parem. Em seguida, trabalhamos com a teoria para explicar e mostrar como o nosso corpo funciona do ponto de vista científico. A longo prazo, somente trabalhar com teoria e prática juntos em um complexo pode fornecer uma visão clara de ONDE e COMO proceder.

    Quais são os maiores erros que você vê as pessoas cometendo ao entrar no levantamento de peso olímpico?

    Eu acho certo começar pelo fato de que todos cometem erros ao levantar a barra, de iniciantes a atletas de nível alto. Claro, alguns atletas cometem mais erros, alguns menos. Mas todos fazem isso sem exceção, e acredito que é assim mesmo que tem que ser. Quanto à questão sobre o erro mais comum, acredito que seja a atitude em relação à barra. Poucos sabem, mas há mais de 120 anos existem certas regras no levantamento olímpico que não são ditas. As principais são:

  • Nunca pise na barra.
  • Nunca sente na barra.
  • Nunca chute a barra com o pé.
  •     Ao fazer todas essas coisas, você em primeiro lugar demonstra desrespeito à ferramenta com a qual você terá que trabalhar por um longo tempo. E acredite em mim, a barra pode se vingar.

        Quais são os melhores livros / recursos sobre levantamento de peso olímpico que alguém poderia usar para treinar sozinho?

        Todos os livros que recomendo são escritos em russo e tudo o que está sendo escrito agora é basicamente escrito com base nesses livros. A União Soviética, com décadas de pesquisa, acumulou uma enorme quantidade de informações que agora formam a base. A lista dos livros é realmente enorme, mas eu aconselho a leitura de "Olympic Weightlifting Textbook" de N. Luchkin para começar. Quanto a todos os outros livros - depende das tarefas e objetivos.

        Observação: se alguém conseguir encontrar o livro do Luchkin, por favor, me avise!

        Se você tivesse 12 semanas para treinar alguém para um campeonato mundial e US $ 1. 000.000 em jogo, como seria o treinamento? E se você tivesse 8 semanas?

        A semana de treinamento consistirá em 8-10 sessões básicas de treinamento (2 horas cada). Além disso, uma piscina duas vezes por semana (durante uma hora) é necessária para a recuperação. Claro, alongamento (30-40 minutos) cinco vezes por semana. A dificuldade é que na preparação para uma competição, na busca de grandes resultados, os atletas muitas vezes tentam enganar sua natureza e o corpo, passando por mais e mais cargas - algo que geralmente termina com uma trauma e interrupção do treinamento. Além de toda a atividade física, uma grande parte do trabalho analítico e lógico que é focado na análise diária da condição do corpo é feita durante a preparação. Meu treinador costumava dizer:

         "É melhor economizar energia do que gastá-la em excesso.

         E, claro, a preparação psicológica do atleta também é importante. Como acontece muitas vezes o atleta é fisicamente forte, mas sua cabeça não dá a oportunidade de realizar o potencial. Neste caso, o trabalho psicológico é muito mais importante que o físico.

         Que benefícios você acha que o treinamento de halterofilismo olímpico pode providenciar  para alguém que não está necessariamente querendo entrar no levantamento de peso olímpico (ou seja, atletas comuns)?

         O levantamento de peso olímpico ajuda a construir todo o corpo harmoniosamente, tanto para meninas quanto para meninos. Isso foi comprovado por outros atletas e eu concordo totalmente com essa afirmação. Afinal, no agitado estilo de vida de hoje (escritório, etc.), bombear na academia não é suficiente, uma vez que desenvolve apenas grupos musculares separados. Há uma necessidade de trabalho dinâmico com o peso e o levantamento de peso resolve esse problema.


    Leave a comment

    Get Free PDF with TOP 5 Weightlifting Mistakes and Ways to Fix Them

    Please enter a valid e-mail

    You are subscribed! Stay tuned